Economia

Americanas entra em crise financeira e afeta a economia

Rede anunciou dívidas de R$ 41 bilhões a quase 8 mil credores. Empresa está em recuperação judicial

07/03/2023 18:21 atualizado há 59 segundos

Imagem Americanas entra em crise financeira e afeta a economia
Créditos da imagem: Reprodução / Freepik.

O dia 11 de janeiro de 2023 ficará marcado na história da economia brasileira. Por meio de um documento, a Americanas comunicava ter encontrado erros nas informações financeiras da companhia. Ou seja, nas contas matemáticas mesmo, o que é algo muito grave para uma empresa desse porte. Como uma rede varejista, a Americanas não produz nada. Ela distribui nas prateleiras das suas lojas os produtos fabricados por outras empresas. Ao receber um KitKat ou um carrinho Hot Wheels, esses produtos precisam ser pagos a quem fabricou antes de serem vendidos.

Mas a Americanas não tinha dinheiro para isso e começou a pedir ajuda a um banco. E, assim como acontece comigo, com você e com qualquer empresa, o banco cobra uma taxa por esse dinheiro. Porém, ao longo de muitos anos, a Americanas não contou para ninguém que existia esse juro a ser pago. E foi essa diferença que colocou a empresa em crise.

O erro foi acumulado por muito tempo e se transformou em uma dívida enorme. Por isso, a empresa decidiu entrar com um pedido de recuperação judicial*, mostrando que precisa pagar o equivalente a R$ 41.000.000.000 (bilhões!) a quase oito mil pessoas e empresas.


A Americanas existe há muito tempo?

Sim, há quase 100 anos. A ideia inicial já era vender produtos com preços bem baratinhos. Atualmente, a marca está em quase 2 mil locais. Sua base de clientes é estimada em 53 milhões de pessoas.

A Americanas vai fechar?

Ainda não podemos afirmar com certeza, mas é uma possibilidade.

É verdade que a Americanas é dona das marcas Pucket, Imaginarium e Love Brands?

Sim. Mas não para por aí. A companhia também tem participação no comércio digital, sendo dona de parte da Submarino e do Shoptime. Além disso, detém participação na Hortifruti Natural da Terra e nas lojas de conveniência BR Mania.

A Americanas foi roubada?

Até aqui, o que se sabe é que não houve roubo ou desvio de dinheiro para enriquecimento de alguém. Acredita-se que o que aconteceu foi mesmo um erro na prestação das informações financeiras da companhia. Mas só depois de concluídas todas as investigações é que poderemos ter certeza.

As pessoas vão ser demitidas da Americanas?

Sim, as demissões já começaram. No entanto, ainda não é possível dizer neste momento a quantidade exata de pessoas que deixarão de trabalhar lá. Hoje, a empresa conta com cerca de 40 mil funcionários.

Morre Ziraldo aos 91 anos no Rio de Janeiro.

Cartunista, pai do Menino Maluquinho, teve seu primeiro desenho publicado aos 6 anos

Gentileza gera gentileza.

Com pequenas ações, é possível transformar o seu dia e o das pessoas ao seu redor, promovendo onda de bem-estar

Por que as flores soltam cheiro?.

O motivo é o mesmo de serem coloridas: atrair determinados animais

Eclipse solar total agita México, Estados Unidos e Canadá.

Dia virou noite e temperatura caiu nesses países; no Brasil, fenômeno está previsto para 2045

Ao Espaço e além: estamos sozinhos no Universo?.

Com as missões espaciais, cientistas estão cada vez mais perto de saber se existe vida fora da Terra; confira principais fatos

Quer dicas de livros? Conheça quem é louco por histórias.

No mês em que se comemora o Dia Mundial do Livro, conheça as leituras preferidas das crianças

Flórida proíbe redes sociais a menores de 14 anos.

Lei pode entrar em vigor no ano que vem e prevê instalação de sistema de fiscalização

Brasil empata com Espanha em amistoso contra o racismo.

O 3 a 3 no Santiago Bernabéu e a vitória contra a Inglaterra por 1 a 0 destacam estreia do técnico Dorival Júnior

Cidade dos dinossauros é reconhecida pela Unesco.

Geoparque de Uberaba, em Minas Gerais, é o sexto a ganhar o título no país

Utilizamos cookies para garantir a melhor experiência em nosso site. Para concordar, clique em "Entendi". Saiba mais...